Páginas de erro: o que são e porque aparecem no site Deixe um comentário

Você já se deparou com a mensagem 404 error: file not found ao acessar um site? Erros como esse são bastante comuns na Internet. Embora muitos não saibam do que se tratam as páginas de erro, é importante que você conheça a origem do problema que seu site está apresentando.

As páginas de erro são um inconveniente capaz de fazer com que os usuários saiam do seu site e nunca mais voltem. Por essa razão, é necessário ter um cuidado especial com elas.

Existem mais de 50 códigos de erro que podem aparecer em um site. Neste artigo, você vai entender o que são estas páginas e como encontrar a fonte do problema.

O que são as páginas de erro?

As páginas de erro, também conhecidas como erros HTTP, aparecem quando o navegador identifica um problema ao visualizar uma página. Estes problemas podem surgir por diversas circunstâncias. Para poder detectá-los, foram nomeados com números e códigos, que ajudam a descobrir qual é a origem do problema e onde encontrar sua solução.

Códigos de estado

Os números que aparecem nas páginas de erro são chamados de “códigos de estado” e são formados por 3 dígitos, sendo o primeiro o responsável por identificar o tipo do código. Existem 5 diferentes códigos de estado. Neste post, vamos te explicar dois deles: os que começam com 4 e 5 — famosos códigos de erro.

Códigos de erro

4. Os códigos de erro que começam com o número 4, representam os problemas client-side, ou em português, os problemas do lado cliente. Existem diferentes motivos que dão origem a esses problemas, no entanto, sempre estão relacionados a erros de visualização por parte do cliente, ou seja, do usuário que deseja visitar um determinado site.

5. Os códigos que começam com o número 5, indicam que a origem do erro está associado a problemas por parte do servidor, isto é, por quem hospeda o site.

Agora que você já sabe do que se tratam as páginas de erro, vamos te contar alguns dos códigos mais comuns que aparecem na Internet, suas possíveis causas e como encontrar suas soluções.

Páginas de erro do lado cliente

400 – Bad Request

Este código indica uma requisição com sintaxe inválida. Em outras palavras, o servidor interpreta que os dados enviados pelo usuário (um endereço de site) não respeitam completamente o protocolo HTTP, por isso o identificam como “mal informado”.

O erro pode estar relacionado com alguma instabilidade no seu computador ou na sua conexão de Internet. Mantenha em dia suas atualizações de segurança e tenha cuidado com os programas baixados, alguns deles podem estar ocasionando problemas. Para verificar, você pode experimentar abrir o site em outro navegador e limpar o cache.

401 – Authorization Required

Esta página de erro significa que o site que você está tentando acessar se encontra protegido e requer autorização ou autenticação, como um início de sessão com usuário e senha.

403 – Forbidden

O código 403 não oferece uma explicação clara sobre o motivo pelo qual não permite acesso a um site. Nele, o servidor entende a requisição do internauta, no entanto, se nega a cumpri-la. A razão mais comum para o surgimento do erro é a negação por parte do proprietário, que não permite que a página receba visitas.

404 – Not found

Um dos erros mais comuns. Ocorre quando a página que você deseja acessar não existe no momento, ou melhor, quando o servidor não consegue encontrar informações no endereço. Esse erro é muito comum, já que pode originar-se devido a um erro de digitação ou quando são feitas alterações na URL e não é realizado um redirecionamento para uma nova página.

O erro 404 pode aparecer em qualquer site, por isso, as empresas têm elaborado formas criativas de apresentar esta página para minimizar a experiência negativa do visitante. Neste post, mostramos como utilizar ao seu favor a página de erro 404 do seu site.

410 – Gone

Este erro é um código que o administrador do site ativa quando a URL é excluída permanentemente. Ativar este código de erro permite que os mecanismos de pesquisa, como o Google, entendam que devem remover o site dos seus resultados.

Páginas de erro do servidor

Como você já sabe, os erros que tem sua origem no servidor do site, são aqueles que começam com o número 5.

500 – Internal Server Error

Este erro surge sempre que o servidor não pode atender a solicitação do usuário, ou seja, quando não pode acessar a página que ele deseja visitar. Geralmente, se deve a um erro de programação ou manutenção.

502 – Bad Gateway

O código 502 se refere a um erro de comunicação entre dois servidores. Em alguns casos, um servidor atua como um meio de comunicação ou proxy para outro servidor. Quando este erro aparece, significa que a comunicação entre os dois servidores não está no mesmo protocolo, portanto, não é permitida a troca de dados entre si.

503 – Service Temporarily Unavailable

Como o seu nome já diz, se trata de uma condição temporária. Muitas vezes, acontece devido a uma sobrecarga no servidor que hospeda seu site ou a alguma manutenção. É muito importante que você revise se seu servidor é confiável e seguro. Na HostGator, por exemplo, temos uma página dedicada ao Status do Serviço, onde é possível acompanhar as atualizações da rede de servidores e o estado dos mesmos em tempo real.

504 – Gateway Timeout

Este erro possui os mesmo componentes que o código 502. A diferença radical está no tempo de espera: enquanto no erro 502 a solicitação não acontece devido a um problema de comunicação entre os servidores, no erro 504 o proxy ou gateway demora muito tempo para receber a resposta do servidor. Como consequência, o servidor não consegue realizar a solicitação.

505 – HTTP Version Not Supported

O erro 505 está relacionado com as diferentes versões do protocolo HTTP. Às vezes, o servidor não suporta a versão HTTP especificada pelo cliente. Quando o erro aparece, pode ser devido à versões muito antigas do protocolo, que raramente são usadas hoje. A atualização do software do servidor web é altamente recomendada. Não apenas para evitar esse tipo de erro, mas também por questões de segurança e desempenho.

Agora que você já sabe o que são os códigos de erro, é possível entender melhor como funciona o mundo da Internet. Sabemos que ninguém quer ter páginas de erro em seu site, no entanto, a vantagem desses códigos é que eles podem orientá-lo sobre a origem e a solução do problema.

Revise constantemente as páginas do seu site e preste bastante atenção sempre que fizer alterações ou manutenções. Verifique se os links estão corretos quando houver algum tipo de alteração e cheque o status do servidor que hospeda seu site.

Se quiser saber mais sobre o seu site, realize a Análise de Desempenho e Diagnóstico gratuitamente; Você também vai poder compará-lo com o da concorrência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + 3 =